Advertisement Section

Don Cheadle produzirá série sobre o primeiro milionário negro de Wall Street na HBO Max

Tempo para ler1 Minutos, 25 Segundos

Por Tai Saint Louis para Black Enterprise

Don Cheadle se juntou à equipe de bastidores que trabalha para trazer a história de Jeremiah Hamilton , o primeiro milionário negro de Wall Street, para a HBO Max .

De acordo com a Variety , Cheadle atuará como produtor executivo ao lado dos pesos-pesados ​​de Hollywood Steven Soderbergh e Carlos Foglia , que também lidera a equipe de escritores que desenvolve o projeto. A minissérie é provisoriamente intitulada “The Other Hamilton” (O Outro Hamilton) e é baseada no livro  de Shane White de 2015 “Prince of Darkness: The Untold Story of Jeremiah G. Hamilton, Wall Street’s First Black Millionaire”.

Hamilton foi o único corretor afro-americano a se juntar ao chamado clube dos milionários da cidade de Nova York em meados de 1800, acumulando aproximadamente US$ 2 milhões ao longo de sua vida – um valor equivalente a US$ 250 milhões hoje, Historians.org. Ele ganhou o apelido de “Príncipe das Trevas” pelas maneiras ilegais e inescrupulosas pelas quais ele fez essa fortuna.

A maior parte de seus ganhos foi gerada por meio de fraudes de seguros, realizando esquemas que visavam igualmente as companhias de seguros e seus segurados.

Ilustração da revista Ebony

Até a chegada de Hamilton à cidade de Nova York estava ligada a um intrincado esquema de falsificação.

No que pode ter sido o primeiro incidente registrado em sua carreira criminosa, Hamilton chegou a Port-au-Prince, Haiti, em 1828 e começou a usar notas e brinquedos falsificados para pagar tudo. Não demorou muito para que suas vítimas alertassem as autoridades.

Uma sentença de morte e uma recompensa de US$ 300 foram colocadas na cabeça de Hamilton. Ele teria permanecido na capital haitiana por mais 12 dias antes de embarcar em um navio com destino a Nova York. Quando ele voltou para os Estados Unidos, suas travessuras se tornaram bem conhecidas, com jornais negros chamando-o de descrédito à raça. Quando Hamilton morreu em 1870, ele ainda era o homem negro mais rico da América.

Fonte: Black Enterprise

Happy
Happy
0
Sad
Sad
0
Excited
Excited
0
Sleepy
Sleepy
0
Angry
Angry
0
Surprise
Surprise
0

Deixe uma resposta

Previous post Rainha de bloco afro é referência de empreendedorismo na Bahia
Next post Tudo sobre a cor de batom que viralizou no TikTok
%d blogueiros gostam disto: